11 de maio de 2018

Nutricionista alerta a importância da alimentação na saúde da mulher


A alimentação tem impacto direto na qualidade de vida de homens e mulheres.  Apesar das determinações nutricionais serem diferenciadas para cada um, todos tem o mesmo objetivo: a prevenção contra doenças.

A mulher, que passa por várias fases em sua vida, deve ter cuidado com as diferentes faixas etárias. Com isso, Roseanny Cristina, nutricionista do Hapvida Saúde explica que “ a alimentação da mulher tem, hoje, essa maior atenção pela rotina diária exaustante e pelos diferentes ciclos de vida, ou seja, ela precisa adequar à TPM (tensão pré-menstrual), ao climatério (fase que antecede a menopausa), à menopausa (última menstruação), e, possivelmente, à gestação’’.

Em função das doenças que atingem as mulheres ao decorrer das etapas vivenciadas, há diversos fatores que devem ser considerados na hora da elaboração desse cardápio alimentar diário. “Devemos observar as melhores fontes de vitaminas, minerais e melhor suplementação em determinada fase da mulher, considerando peso, altura e idade. Uma alimentação rica em frutas, legumes e verduras e, também, um melhor consumo de alimentos integrais com redução de gorduras’’, indica a especialista.

Para a mulher, esse direcionamento alimentar é determinante para prevenção de doenças. “É recomendado óleo de prímula, que tem benefícios indicativos contra o câncer de mama. Os alimentos ricos em licopeno para prevenção do câncer de útero também são sugeridos. Além da ingestão de sucos funcionais para converter os nutrientes dos alimentos absorvidos em energia, os chamados radicais livres’’, explica Roseanny Cristina.

Essas alterações no cardápio representam saúde e o bem-estar da mulher, principalmente na jornada diária em busca de longevidade. Aliada à atividade física e acompanhamento do especialista, essa alimentação saudável tem o objetivo de prevenir doenças e promover a qualidade de vida.