18 de fevereiro de 2018

No desfile das campeãs do Rio, vampiro sai na passarela sem faixa presidencial


Aclamado pelo público por apresentar um enredo crítico ao presidente Michel Temer (MDB), o Paraíso do Tuiuti, vice-campeão do desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro, voltou ao sambódromo do Rio na madrugada deste domingo, 18, para o desfile das campeãs sem um dos principais elementos do desfile oficial: o destaque do último carro alegórico, que na madrugada de segunda-feira, 12, havia desfilado vestido de vampiro e usando a cópia de uma faixa presidencial, numa referência a Temer, trocou esse adereço por uma gravata verde e amarela. A escola informou que o professor Léo Morais, que encarnava o “vampiro presidente”, perdeu a faixa presidencial ao final do primeiro desfile e não confeccionou outra.