Prefeitura lança campanha para doação de Capacetes de Ventilação Mecânica


A Prefeitura do Natal busca mais uma forma de combater a pandemia de coronavírus. A administração está lançando a campanha “Uma Chance Para a Vida”. A intenção é conseguir, junto a iniciativa privada, a doação de Capacetes de Ventilação Mecânica não Invasiva. 

O capacete é composto do capuz, que cobre toda a cabeça do paciente, feito de material transparente. Usados pelos em pacientes com quadro grave da Covid-19, os dispositivos têm a função de fazer uma ventilação contínua não invasiva. É uma forma de fazer com que o ar chegue ao paciente diferente da intubação, que necessita um tubo orotraqueal.

O objetivo com a utilização do aparelho é evitar a intubação do paciente. Ao utilizar um mecanismo de respiração artificial não invasivo, o capacete de ventilação assistida tem demonstrado grande eficiência no tratamento  de  pacientes acometidos pela Covid -19, com quadro clínicos moderados a grave, reduzindo em até 60% a necessidade de intubação em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

Acomodado ao pescoço do paciente, o capacete permite ofertar oxigênio a uma pressão definida ao redor da face, sem necessidade de intubação. “O sistema possibilita uma melhor oxigenação e pode ser utilizado fora de leitos de UTI, em unidades de pronto atendimento, ambulâncias ou unidades hospitalares. Outro benefício é o custo inferior em relação aos respiradores mecânicos, no caso dos capacetes também não se faz necessária medicação para sedoanalgesia indispensável aos pacientes em ventilação mecânica e muitas vezes indisponível para aquisição. Somado a isto temos um ambiente de maior segurança para os profissionais de saúde, já que é um sistema fechado e não permite a dispensação de partículas do vírus no ambiente. O capacete de ventilação assistida é uma chance para a vida, é uma chance para uma família retomar a sua vida após a batalha contra a Covid-19.”, explica a enfermeira Elizandra Trindade, coordenadora da rede de urgência e emergência de Natal.

A meta da Prefeitura é conseguir a doação de até 200 capacetes durante a campanha. “Iremos dar toda a visibilidade para as empresas que aderirem. Sabemos que a população reconhece a participação de empresas em ações que salvem vidas. Além disso, a diminuição de ocupação de leitos em UTIs permite a reabertura mais rápida da economia. Ou seja, todos saem ganhando com essa atitude”, explica Danielle Mafra, secretária executiva do município.

A instalação dos Capacetes será feita nas Unidades de Pronto Atendimento – UPAs de Natal e nos Hospitais Municipais. Segundo a SMS, todos esses locais já possuem um sistema compatível necessário para receber o equipamento.

A secretária executiva da Prefeitura de Natal informa que as empresas interessadas já podem entrar em contato. “Qualquer empresa pode nos procurar através do e-mail: danielle.mafra@natal.rn.gov.br”, conclui.

Foto: Ilustrativa/Géssica Urga