marielle-3
15 de março de 2018

Vereadora Marielle recebe homenagens pelo país


Uma série de homenagens para a vereadora Marielle Franco (PSol/RJ) foi realizada, nesta quinta-feira (15/3), pelo país. Em Brasília, houve sessão solene durante a manhã no plenário da Câmara dos Deputados. Outro ato ocorreu às 17h30, na Praça Zumbi dos Palmares, situada no Conic.

A solenidade na Câmara foi presidida por Rodrigo Maia (DEM-RJ) e contou com a participação de parlamentares do PSol, PT, PSB, PCdoB, Rede e DEM, além de militantes de esquerda e ativistas de Direitos Humanos, que seguraram girassóis em homenagens a vereadora assassinada. Uma grande faixa preta com a frase “Marielle, presente! Anderson, presente! Transformar luto em luta!” foi exibida.

No Conic, a homenagem foi feita pela militância do PSol e de partidos de esquerda. Os participantes manifestaram revolta com a violência e lembraram da luta da parlamentar.
A vereadora carioca Marielle Franco e o motorista Anderson Pedro Gomes foram mortos a tiros na noite de quarta-feira (14/3), na região central do Rio. Eles voltavam do evento Mulheres Negras Movendo Estruturas, mediado por Marielle e com a participação de outras militantes dos movimentos negro e das mulheres.

Manifestações pelo Brasil
Movimentos sociais e grupos ligados à militância de esquerda promoveram atos pelo país ao longo de todo o dia. Cerca de 100 pessoas se concentraram no vão do Museu de Arte de São Paulo (Masp), a partir das 16h.

Em Salvador, aproximadamente 2 mil pessoas se reuniram na Universidade Federal da Bahia (UFBA) para protestar contra o crime. Estudantes, professores, militantes políticos e participantes do Fórum Social Mundial se posicionaram contra a intervenção federal e em defesa da luta dos negros no Brasil. Rio de Janeiro e mais seis capitais tiveram atos convocados, via redes sociais.