presidente-dotse-em-coletiva

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral critica clima de insegurança


De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, foram registrados 383 incidentes envolvendo candidatos e 3.431 ocorrências envolvendo pessoas que não participavam da disputa eleitoral. Na maioria dos casos, o problema foi fazer boca de urna, que é proibida.
Ao longo do dia, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, fez críticas ao quadro da Segurança Pública do país e disse que isso afetou o processo eleitoral, principalmente no Rio de Janeiro e Maranhão.
“O quadro de insegurança que está ocupando boa parte da minha fala, não está associado aos conflitos eleitorais. É parte do quadro de deterioração do quadro de segurança pública entre nós e exige uma atenção especial e um esforço, uma concentração de todos os poderes e também de todos os segmentos da federação: União, estados e municípios”, declarou Gilmar Mendes.