Prefeitura de Mossoró assume responsabilidade do projeto ¨Jovem Promessa da Ginástica”
11 de junho de 2018

Prefeitura de Mossoró assume responsabilidade do projeto ¨Jovem Promessa da Ginástica”


A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer (SEMEEL) e da Secretaria Executiva de Esportes, arcará com todos os custos do projeto “Jovem Promessa da Ginástica”. A decisão foi tomada após uma circular emitida pela Confederação Brasileira de Ginástica (CGB) informando que as atividades estariam suspensas devido o cancelamento do patrocínio da Caixa Econômica Federal (CEF). A suspensão aconteceu em nível nacional. Antes da suspensão, os custos eram divididos entre PMM e CEF.

O anúncio da continuidade das atividades foi feito pela própria prefeita Rosalba Ciarlini. “Assim que tomamos conhecimento da suspensão nos reunimos com os secretários da Educação e do Esporte para analisar a viabilidade do município assumir essa responsabilidade. O que não pode acontecer é esse projeto deixar de existir na cidade e essas crianças não poderem prosseguir com essa vivência esportiva que faz tão bem. A Prefeitura agora assume a responsabilidade e o projeto Jovem Promessa da Ginástica não será interrompido em Mossoró”, destacou a prefeita.

Na cidade são 220 crianças atendidas no projeto. Isso demanda estrutura, equipamentos esportivos, além de professores, estagiários e funcionários de apoio, que após a decisão de continuidade das atividades por parte do município, passam a ser mantidos integralmente pela Prefeitura de Mossoró. “Com essa decisão as aulas serão retomadas na próxima segunda-feira e no mês de julho deveremos iniciar o período de matrículas para novos alunos”, explicou Franklin Soares, coordenador do projeto.

Atualmente o projeto acontece na quadra de esportes da Escola Municipal Raimundo Fernandes, no bairro Santo Antônio. Devido ao sucesso do projeto é possível que ele seja estendido para outras localidades. “Além de não permitir que esse projeto seja interrompido, nós estamos analisando a possibilidade de ir além e levar essa mesma iniciativa para outras escolas e dessa forma ampliar o número de crianças atendidas”, comentou Aldo Gondim, secretário Executivo de Esportes.

“Minha filha tinha problemas de saúde, ansiedade e nenhum médico conseguiu ajudar, mas aí tudo foi melhorando na vida dela depois que ela começou a praticar a ginástica. Se esse projeto acabar o meu medo é que todos os problemas dela voltem. Que bom que a prefeita decidiu continuar. Estou muito feliz com isso”, comemorou dona Catarina Gomes Costa.