WhatsApp Image 2020-06-04 at 16.52.07

Fechamento de lojas no Alecrim causa tumulto


As medidas efetuadas para cumprimento do isolamento social em Natal causaram tumulto no bairro do Alecrim, na zona Oeste de Natal, nesta quinta-feira (4). Entre o fim da manhã e início da tarde, policiais militares ordenaram o fechamento de estabelecimentos que prestam serviços não essenciais, mas encontraram resistência. Houve correria, mas não foram realizadas prisões.

De acordo com o presidente da Associação dos Empresários do Bairro do Alecrim (AEBA), Pedro Campos, a ação policial enfrentou resistência por parte de alguns comerciantes que não tinham autorização para manter os estabelecimentos funcionando durante a vigência do atual decreto. Por isso, além da recomendação de que esses comerciantes fechassem as portas, a AEBA também sugeriu que os demais suspendessem as atividades temporariamente.

O porta-voz da Polícia Militar no Estado, Tenente Coronel Eduardo Franco, reforçou que a ação foi de conscientização pela necessidade do isolamento social no combate a propagação do novo coronavírus. A PM deve ainda realizar operações semelhantes em outros locais, visando o fechamento dos serviços não essenciais e evitando aglomerações.