Campanha Dezembro Vermelho para prevenir ISTS começa amanhã


A prevenção e o tratamento precoce das infecções sexualmente transmissíveis (IST) HIV/ AIDS são o tema da campanha Dezembro Vermelho, que a Assembleia Legislativa dá início nesta quinta-feira (12), para os seus servidores. A programação será aberta às 9h, no Setor de Saúde da Casa. A partir daí serão realizadas várias ações, como a verificação da pressão arterial e glicemia capilar, além da distribuição de preservativos.

A campanha é uma iniciativa da Diretoria de Políticas Complementares e da Divisão de Programas Complementares de Saúde e Bem-estar. As principais infecções sexualmente transmissíveis são a herpes genital, sífilis, gonorreia, infecção pelo HIV, infecção pelo papilomavírus humano (HPV), além das hepatites virais B e C.

Inicialmente estava prevista a vacinação contra Hepatite B, mas por determinação da Vigilância Sanitária, é proibido realizar ações de vacinação “extra-muros” e a organização do evento está comunicando aos servidores essa mudança.

As ISTS são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos e são transmitidas principalmente pelo contato sexual (oral, vaginal, anal), com uma pessoa infectada sem o uso de preservativo.

Sintomas

Os sintomas mais comuns das ISTs são as feridas, corrimentos, verrugas anogenitais, dor pélvica, ardência ao urinar, lesões de pele e aumento de íngua. Ainda com relação às formas de transmissão, outras formas não sexuais podem ocorrer no momento do parto, na amamentação, ou ainda através do contato de pele e mucosa não íntegras com secreções contaminadas.